San Diego Comic Con

SDCC 2019: Confira o que rolou no painel de Game of Thrones

  Daiane de Mario    quarta-feira, 24 de julho de 2019

Game of Thrones já é passado, mas os seus fãs ainda possuem muitas perguntas sobre o final da série e lotaram o painel de GOT durante a SDCC 2019 no último final de semana.

Durante o painel, parte do elenco de Game of Thrones brincou sobre o destino de seus personagens e responderam algumas perguntas sobre as principais teorias do final da série.

Estiveram presentes no evento os atores Jacob Anderson (Verme Cinzento), John Bradley (Sam Tarly), Nikolaj Coster-Waldau (Jaime Lannister), Liam Cunningham (Davos Seaworth), Nathalie Emmanuel (Missandei), Iain Glen (Sor Jorah Mormont), Conelth Hill. (Varys), Maisie Williams (Arya) e Isaac Hempstead Wright (Bran Stark).

Maisie Williams disse que Arya provavelmente esteja curtindo sua viagem e que ela e Gendry provavelmente não ficarão juntos, o máximo que pode acontecer é que ele  “a veja no casamento de um amigo” e a atriz também rebateu a teoria de que Jon Snow tivesse a ajudado na morte do Rei da Noite, segundo ela:

Ela fez tudo sozinha. Se vamos dar crédito para mais uma pessoa, tem que ser a Melisandre. Ela sabia que tinha que colocar essa missão na cabeça de Arya. Depois de passar tanto tempo sozinha, Arya tinha algo a perder agora. Estar de volta com sua família tornou ela mais vulnerável. Então, se nós vamos estabelecer que alguém ajudou ela a fazer isso, tem que ser Melisandre por causa da fala sobre “olhos castanhos, verdes e azuis”.

Jacob Anderson, o Verme Cinzento, disse que provavelmente está se aposentando em uma praia se lembrando de Missandrei, já que ele acredita que o personagem nunca mais amou ninguém. Quando questionado sobre o Por que Verme Cinzento não matou Jon Snow? O ator explicou que, depois de toda a violência que Verme Cinzento viu e participou, ele não estava mais disposto a seguir um caminho da selvageria e honrou Daenerys seguindo a lei e colocando Jon em julgamento.

Isaac Hempstead Wright, se mostrou contente com o desfecho de seu personagem, já que ele ficou no trono, mas disse que seu reinado deve ser muito chato, já que Bran está de olho em todos o tempo todo. Sobre a teoria do “Evil Bran” ele disse:

“Eu não acho que Bran sabe exatamente o que vai acontecer. Acho que a visão do futuro dele está mais nebulosa. É minha desculpa de por que ele não fala nada. Mas acho que é legal que acaba de forma meio ambígua.”

Conleth Hill, o Lorde Varys confirmou que o personagem tinha planos secretos para resultar na morte da Targaryen:

Sim, [ele estava tramando a morte de Daenerys]. A moeda, quando um Targaryen nasce, cairá de um lado ou de outro. E a Dany estava enlouquecendo no final. Eu acho que o Varys sabia o tempo inteiro que iria morrer. Então eu vejo tudo isso como algo inevitável. Ele sabia que não poderia contar com Jon Snow ou Tyrion porque os dois estavam apaixonados por Daenerys. Isso cega o julgamento das pessoas. Então ele saiba que tinha que bolar um plano para pará-la e que provavelmente isso resultaria em sua morte. Eu acho que foi uma morte muito digna. Há várias maneiras de ser demitido e essa foi uma das melhores.

Nikolaj Coster-Waldau, defendeu o final de ser personagem dizendo que fazia sentido que Jaime morresse nos braços de sua irmã, já Liam Cunningham, sir Davos Seaworth, não comentou sobre o futuro do seu personagem mas disse que o final deveria ter sido diferente: “Eu deveria estar no trono!”

Daiane de Mario

Daiane de Mario

Nerd de nascença, professora por vocação e mãe por opção. Amante de Sandman e da Mulher Maravilha, prefere sofá e pipoca do que uma balada num bar, ama o verão, glitter e seres mitológicos.

Todos os posts da Colaboradora »

Comenta aí!

expertautopecas.pt

Novidades por e-mail

Quer receber um boletim quinzenal com as principais novidades e produtos da nossa loja? Então assine nossa Newsletter abaixo. Não divulgaremos seu e-mail e não enviaremos SPAM, palavra de escoteira.