As plataformas de streaming de vídeo, como o Netflix, e de música, como o Spotify, já são sucesso estabelecido e agora mais um tipo de serviço como esse chega para suprir  a demanda do mercado: o streaming de HQs.

O primeiro serviço de streaming de HQs já criado se chama Cosmic e é fruto das ideias de dois brasileiros, Ramon Cavalcante e George Pedrosa. Sobre a motivação para o projeto, Ramon contou ao O Globo:

O mercado impresso de quadrinhos no Brasil não dá conta do volume de público, que quer consumir uma grande quantidade de obras sem pagar um valor absurdo. É uma leitura rápida, por isso é difícil cobrar caro e aí está o problema, já que os custos de publicação são altos. A distribuição pode representar 30% do valor da revista, o mesmo com postos de venda e ainda tem a impressão, que vai de 12 a 20% do preço.

A plataforma Cosmic será lançada em novembro e estará disponível para computador, tablet e celular. O preço será R$ 15,90 por mês para ter acesso a um banco de histórias em quadrinhos de autores principalmente nacionais, uma vez que essa área é muito rica no Brasil, mas pouco explorada por conta da falta de interesse de editoras e dos altos custos para produzir uma HQ. Os autores receberão 70%  da arrecadação de forma proporcional às páginas acessadas e os outros 30% serão para a manutenção do serviço.

Posts relacionados

Comments

comments