No dia 25 de maio celebramos o dia do orgulho nerd e hoje minha nerdice linguística vai ser explicar a origem da palavra que tanto caracteriza o meu estilo de vida e tentar explicar se existe alguma diferença entre ser nerd ou ser geek.

A teoria oficial é de que a primeira aparição do termo nerd aconteceu no livro infantil “If I rain in the zoo”, do Dr. Seuss em 1950, em que o narrador Gerald McGrew afirma que colecionaria “um Nerkle, um Nerd e um Seersucker também” em seu jardim zoológico imaginário. Em 1951, o termo foi usado pela revista Newsweek em uma matéria sobre os costumes dos jovens da cidade de Detroit, onde os jovens que antes eram considerados “quadrados” e “tolos” começavam a ser chamados de nerds. No início dos anos 1960, o uso do termo se espalhou pelos Estados Unidos e outros países. Em algum momento, a palavra passou a descrever amantes da leitura, mas com dificuldade de socialização.

A teoria alternativa é que a palavra seria a sigla de Northern Electric Research and Development – NERD (Departamento de Pesquisa e Desenvolvimento da companhia Northern Electric do Canadá, hoje Nortel), ou seja, denominava os funcionários do laboratório de tecnologia, que eram esforçados e inteligentes e que passavam noites em claro em suas pesquisas.

No Brasil, o termo se popularizou com o filme “A Vingança dos Nerds”, de 1984, onde um grupo de CDFs , que era o termo brasileiro para nerd, decide enfrentar os jovens mais populares da faculdade. No filme o que podemos perceber é todo estereotipo e bullying que os nerds sofriam naquela época. Ser nerd significava não ser considerado uma pessoa legal e sim um estranho, inteligente, mas bobo e sem iniciativa.

Image result for a vingança dos nerds poster

A palavra geek por sua vez é mais antiga que a palavra nerd, foi registrada pela primeira vez em 1916. Nessa época, era usada para descrever atrações bizarras de circo, como artistas que comiam insetos vivos. Esses espetáculos eram conhecidos como “geek shows”. A palavra geek vem da palavra alemã “geck”, usada para falar de alguém bobo ou “maluco demais”. Nos ano 80, por analogia, começou a designar um “computer geek” aquele que ganhava a vida “comendo” bugs de computador.

Image result for geek

Os termos nerd e geek começaram a se usados para definir pessoas com características muito parecidas. Atualmente a distinção seria que o nerd é uma pessoa inteligente, que curte literatura, ciência, tecnologia, historias em quadrinhos, cinema e afins, já o geek seria o especialista na área de tecnologia.

A ascensão de Bill Gates, Steve Jobs e Mark Zuckerberg do Silicon Valley, entre outros, permitiu que muitos assim chamados nerds ou geeks acumulassem grandes fortunas. E muitos interesses relacionados ao estereótipo nerd, tais como super herois e ficção científica passassem a ser populares. Ser nerd começou a ser sinônimo de sucesso e de alguém bem sucedido e muitas pessoas começaram a “aceitar” os nerds ou geeks e se assumirem dessas “tribos” também.

Image result for silicon valley

Nos dicionários de língua inglesa Cambridge, porém, nerd e geek significam a mesma coisa hoje em dia: pessoas tímidas e inteligentes que se interessam por computadores e pesquisam sobre assuntos de que gostam.

Para tentar dar fim a essa discussão em 2013, o engenheiro de software Burr Settles criou equação matemática para estabelecer em quais contextos no Twitter  as palavras são mais associadas. Ele analisou 2,6 milhões de tuítes. O resultado foi que a palavra “nerd” é mais relacionada a estudos, enquanto “geek” aparece mais ligado à cultura pop. Ainda que a pesquisa não sirva para classificar um nerd ou um geek, ela mostra como é, em geral, a visão popular sobre os dois.

Image result for nerd or geek

Na minha humilde opinião, hoje em dia não existe muita diferença entre os termos nerd ou geek, eu acredito que tem mais a ver com afinidade, como eu sou “Old School” me identifico mais com o termo nerd, que se popularizou no Brasil nos anos 80, mas muita gente me chama de geek, por eu gostar muito de tecnologia, e por mim tudo bem. No Brasil chamamos do Dia de Orgulho Nerd, nos Estados Unidos é o Geek Pride Day. O mais importante para mim é ver o quanto a cultura nerd/geek se popularizou para o meu bem, eu agora posso ser quem eu quero ser, sem ter que me esconder ou morrer de medo de agradar, o que nos anos 1990 era inimaginável. O estilo de vida nerd/geek está na moda e temos que aproveitar.

Em um artigo no New York Times, o ator Kunal Nayyar que interpreta o “Raj” de “The Big Bang Theory” disse algo que eu achei super legal sobre ser nerd ou geek:

“O termo nerd ou geek é mais do que alguém que é apaixonado por um certo estilo de vida. Você vê muitas pessoas vivendo suas vidas pela metade. Os nerds ou geeks não, eles não vivem suas vidas pela metade, eles vão para qualquer lugar que eles queriam. E claro, de acordo com a sociedade, isso não é a norma.”

E o ator ainda complementou que compartilha dessa filosofia dos nerds, que é muito apaixonado por sua arte de atuar e que alguns caras são fanáticos por astrofísica e tudo bem.

Eu também acho e por isso o dia de hoje é tão legal e significativo. Não importa se você se considera nerd ou geek o importante é você ser quem você é aonde quer que você vá.

Vida longa e prospera a todos os nerds/geeks, e que a força esteja sempre com conosco.

Patricia Piquia

Patricia Piquia

Nerd, brasiliense, estabanada e professora de inglês. Amo música, livros, séries, filmes, arte, corridas, viagens e gordices.
Patricia Piquia
  • 154
    Shares

Comentários

Comentários