Se juntas já causam, imagine juntas!

Sob a direção de Zack Snyder e roteiro de Joss Whedon e Chris Terro, temos de volta às telonas, Batman sendo interpretado por Ben Aflleck e Mulher Maravilha sendo interpretada pela maravilhosa Gal Gadot. E o que não é segredo para ninguém, mas são suas primeiras aparições (significativas, já que tivemos um gostinho deles em Batman vs. Superman) temos Aquaman sendo interpretado por Jason Momoa, Cyborg interpretado por Ray Fisher e Flash interpretado pelo também maravilhoso Ezra Miller.

A Liga da Justiça está entre nós!



A Liga da Justiça acontece após os eventos de Batman vs. Superman e movido pela restauração da fé na humanidade e inspirado no ato altruísta do Superman, interpretado por Henry Cavil, Batman chama a sua nova aliada, Diana Prince, para enfrentar um novo inimigo, recém desperto. Juntos, buscam que Aquaman, Cyborg e Flash se juntem à turma para salvar o planeta da nova ameaça.

Com dito anteriormente, é necessário ter visto Batman vs. Superman para poder acompanhar os novos acontecimentos que se desencadearam após a morte de Superman. Ter assistido Mulher Maravilha ajuda a entender algumas referências sutis que aparecem no decorrer do longa.

A Liga da Justiça está entre nós!

A Liga da Justiça mostra como a DC está encaminhando em seus novos filmes. Depois de algumas críticas quanto Batman vx. Superman, a decepção com Esquadrão Suicida e a ascensão com Mulher Maravilha, o filme da liga de heróis consolida um novo caminho de sucesso para o universo, inserindo com cautela, para não cometer os erros de Esquadrão Suicida, os novos personagens e apresentando, principalmente, um herói muito conhecido e muito amado pelo público, Barry Allen, o Flash, que foi interpretado magnificamente por Ezra Miller, demonstrando mais uma vez que veio para ficar e arrasar nas telonas.

Sem spoilers e sem mais delongas, A Liga da Justiça é um filme para encher o coração dos fãs, principalmente os fãs de alguns super-heróis em específico… hehe

A história, no fim, pode parecer muito acelerada, os novos personagens foram apresentados de uma maneira rápida, talvez para causar a curiosidade em alguns telespectadores de procurarem um pouco mais sobre outros personagens do universo. Mas, decorreu na medida certa, sem causar a impressão que foi dada em Esquadrão Suicida: gastou muito tempo do roteiro para apresentar novos personagens que de uma hora para outra se tornam best friends para completar a missão. Em, A Liga da Justiça, a história e a reunião ocorre de uma forma mais natural.

A Liga da Justiça está entre nós!

E também gostaria de deixar registrado que em uma cena temos ao fundo uma música do Blackpink (não só o fundo como também um trecho do clipe)! Um grupo de garotas do k-pop. Ainda há dúvidas de que o k-pop vai dominar o mundo? :P

Ah, e não se esqueçam! O filme conta com duas cenas “pós-créditos”, uma super divertida e outra que não só dá o tom para um próximo filme da DC, mas impressiona os fãs.

Com média 8,5 no IMDB, A Liga da Justiça estreia dia 16 de novembro.



Drielly Rigotti Yamada

Drielly Rigotti Yamada

Escorpiana desde 1993. Estudante de Direito. Seu nome é de origem do desenho do He-Man. Apaixonada pelo mundo nerd, moda e doramas.
Drielly Rigotti Yamada

Últimos posts por Drielly Rigotti Yamada (exibir todos)

Posts relacionados

Comentários

Comentários