Você já deve ter assistido o último filme da trilogia do homem-morcego do diretor Christopher Nolan, O Cavaleiro das Trevas Ressurge, que tem Bane como o vilão principal. Mas o que nenhum de nós viu ou sabia é que algumas cenas sobre a origem do vilão foram cortadas. A designer das roupas do filme, Lindy Hemming, falou um pouco sobre esse assunto em uma entrevista ao site da GQ:

Uma coisa que vocês devem ter visto durante aquela sequência é Bane sendo ferido quando era jovem. Uma das coisas fundamentais sobre sua roupa é que ele tem uma cicatriz de um machucado nas costas. Mesmo que ele não tivesse uma roupa à prova de balas, ele ainda teria que vestir o cinto e os suspensórios. Naquela cena na prisão em que ele está aprendendo a lutar do mesmo modo como Batman aprendeu, ele está vestindo uma versão anterior do cinto. Está mostrando um apoio, mas não é a versão final que ele veste depois. Ele também está vestindo uma versão mais antiga da sua máscara de gás, toda colada… Se você reparar no filme, a menos que eles tenham cortado isso – e eu estou certa que eles não cortaram – há toda uma parte para Tom Hardy em que ele está lutando e sendo insultado pelas pessoas. Ele está preso à correntes e de pé sobre algo de madeira enquanto as pessoas o atacam. E, naquela cena, ele está vestindo uma versão muito mais estragada e primitiva da máscara.

Logo após esta declaração, Lindy Hemming é informada que a cena não está no filme e, mesmo assim, ainda complementa com a observação de que havia uma outra cena que mostrava o porquê de Bane ter a máscara e de onde ela tinha saído.

É possível que essas cenas cortadas estejam nos extras do DVD e do Blu-ray do filme, então, só nos resta aguardar para conferir. :(

Abaixo, veja as cicatrizes nas costas de Bane de um design lançado pelo artista Sebastian Lochmann:

Via

Posts relacionados

Comments

comments